Detalhes da ação

Acompanhamento Multidisciplinar de Gestantes durante o período da Pandemia

Sobre a Ação

Nº de Inscrição

202103000024

Tipo da Ação

Projeto

Situação

REFORMULAR

Data Inicio

01/02/2020

Data Fim

31/05/2021


Dados do Coordenador

Nome do Coordenador

flaviana tavares vieira teixeira

Caracterização da Ação

Área de Conhecimento

Ciências da Saúde

Área Temática Principal

Saúde

Área Temática Secundária

Comunicação

Linha de Extensão

Saúde da família

Abrangência

Municipal

Gera Propriedade Intelectual

Não

Vínculada a Programa de Extensão

Não

Envolve Recursos Financeiros

Não

Ação ocorrerá

Fora do campus

Período das Atividades

Manhã

Atividades nos Fins de Semana

Não

Membros

Tipo de Membro Externo
Carga Horária 40 h
Tipo de Membro Interno
Carga Horária 50 h
Resumo

A gestação configura-se como um momento de inúmeras mudanças sociais, psicológicas, físicas e emocionais no qual a mulher costuma vivenciar sentimentos fortes de medo, angústia, dúvidas e expectativas. Nesse momento, ter o auxílio médico é um ponto de suma importância. Poder sanar as dúvidas com uma equipe multidisciplinar, conhecer seu próprio corpo e as mudanças que estão ocorrendo são fatores determinantes para a saúde psicológica e física durante a gravidez. Esta é a proposta desse projeto.


Palavras-chave

Gestação. Operativo. Multidisciplinar


Introdução

O grupo operativo é uma técnica de trabalho cujo o principal objetivo é promover um processo de aprendizagem eficaz para os sujeitos envolvidos. Diante desse conceito, surgiu a ideia da implementação de um grupo operativo voltado às gestantes do município de Couto de Magalhães de Minas. O objetivo principal do grupo é a capacitação das gestantes vinculadas às Estratégias de Saúde da Família- ESF do município, e desta forma realizar a promoção de saúde e prevenção de agravos durante o período do pré-natal, parto e puerpério.


Justificativa

A gestação configura-se como um momento de inúmeras mudanças sociais, psicológicas, físicas e emocionais no qual a mulher costuma vivenciar sentimentos fortes de medo, angústia, dúvidas e expectativas. Com esse emaranhado de sentimentos , muitas vezes contraditórios, ocorrem mudanças que podem influenciar a vida da própria mulher, seu companheiro e outros familiares. (SARTORI and SAND, 2004 apud MARON et al, 2011). Fica claro que por se tratar de uma situação singular para cada gestante que interfere diretamente no seu funcionamento familiar e social é preciso que haja o apoio dos familiares, do companheiro e principalmente do profissional de saúde (MARON et al, 2011). É nesse cenário que se fazem importantes os grupos operativos em saúde, uma vez que esses possuem um papel de destaque em fornecer educação e promoção em bem estar físico, psíquico e social, em propiciar a diminuição do volume de consultas individuais, bem como na promoção do envolvimento interdisciplinar dos profissionais e no envolvimento do paciente com sua própria saúde (ROCHA, 2016). Segundo o conceito Pichoniano um grupo seria um conglomerado delimitado de pessoas, ligadas entre si por um objetivo comum em determinado local e tempo e que se propõem a realizar determinada tarefa. Nesse conceito se observa o destaque dado à interação social, base fundamental da formação do conhecimento (MENEZES and AVELINO, 2016). Os grupos de gestantes, em especial, são capazes de fornecer o ambiente para a difusão e compartilhamento de experiências e vivências da maternidade/paternidade e do período gravídico-puerperal, tornando possível que às mulheres e seus companheiros encontrem espaço para reflexão e crescimento pessoal (MARON et al, 2011). Assim, de acordo com MENEZES e AVELINO: “Os grupos surgem como cenários e procedimentos metodológicos que permitem consolidar uma concepção do homem em sua integralidade, para além do foco de entendimento do processo saúde-doença, ofertando uma formação em Saúde mais reflexiva, integrada e humanizada (MENEZES and AVELINO, 2016)”. Outro ponto importante no que concerne a necessidade de cuidado com as gestantes diz respeito aos 25% das mulheres que poderão apresentar uma gestação de alto risco. Estas podem ser direcionadas para um cuidado especializado através de um pré-natal de qualidade, na maioria dos casos sem necessidade de tecnologias de alta complexidade e custos (MIRANDA, 2011). É nesse cenário que as atividades educativas assumem grande importância, sendo que os grupos operativos atuam exatamente nesse ponto (COELHO anda PORTO,2009 apud MIRANDA, 2011). É preciso salientar que durante o ano de 2020, com a pandemia causada pelo SAR-COVS-2, grande parte da interação das gestantes com profissionais de saúde foi reduzida ou até perdida. Além disso, estudantes das diversas áreas, em especial da saúde, perderam o contato com o paciente. Sendo assim é necessário que esses dois grupos encontrem um meio de retomar as interações perdidas da forma como o atual cenário pandêmico permite. Logo, como é destacado pela Política de Extensão da UFVJM (2009), há uma indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão na medida em que esse processo é capaz de interagir e transformar a sociedade e por meio da experiência tornar o discente sujeito do ato de aprender. Assim, essa ferramenta que a extensão permite criar é um caminho para fornecer retorno à sociedade e para conseguir retomar parte da interação perdida com a pandemia em 2020.


Objetivos

Objetivo Geral: Realizar o acompanhamento multidisciplinar de gestantes através de um grupo operativo online durante o período da Pandemia. Objetivos Específicos: Criar um grupo operativo de gestantes junto a ESF Rio Manso; Capacitar gestantes em temas com relação ao pré- natal, parto e puerpério; Promover a promoção de saúde e prevenção de doenças e agravos no período gestacional; Envolver discentes de cursos da área da saúde da UFVJM junto ao projeto e permitir que os mesmos possam conhecer mais sobre a profissão; Realizar divulgação do tema amplamente através das Redes Sociais do PET Estratégias.


Metas

Através do projeto tem-se como meta de alcance direto atender todas as gestantes cadastradas nas ESF Rio Manso e ESF Prefeito Geraldo Alves, cujo número total gira em torno de 40 gestantes. Como impacto indireto busca-se abarcar as pessoas interessadas pelo tema indiretamente, como parentes das gestantes. Ressalta-se que todos os conteúdos produzidos serão divulgados nas redes sociais do PET Estratégias, sendo o número indireto de atingidos imensurável


Metodologia

Trata-se de um projeto de extensão cujo o objetivo principal é a realização do acompanhamento de gestantes através de uma equipe multidisciplinar formada por discentes voluntários da UFVJM e profissionais de saúde: enfermeiro, nutricionista, psicólogo, médico e educador físico. Todos os profissionais são pertencentes a Estratégia de Saúde da Família - ESF Rio Manso e ESF Prefeito Geraldo Alves da Cidade de Couto de Magalhães de Minas. O projeto será desenvolvido em cinco fases: 1º Fase: Abertura do edital, seleção e capacitação dos estudantes: Em primeiro momento será realizado a abertura do edital para a seleção de três estudantes da área da saúde pertencentes a UFVJM. Logo após, esses estudantes passaram por uma capacitação para aproximá-los da proposta, através da revisão de literatura com leitura de artigos, produção de fichamentos e revisão bibliográfica. 2° Fase: Pesquisa de nivelamento: Através de um formulário online, será realizado uma pesquisa inicial com as gestantes, com o intuito de saber o grau de entendimento das gestantes sobre temas relacionados ao pré-natal, parto e puerpério. 3º Fase: Produção de Conteúdos: Será realizado a produção de conteúdos para a capacitação das gestantes através do grupo operativo online, como: vídeos, imagens, podcasts. Além disso, será realizado uma vez por mês o encontro presencial para discussão e troca de experiências. 4º Fase: Pesquisa final para observar a eficácia das ações do grupo operativo. 5º Produção de artigo científico: Através das experiências obtidas pelo projeto será realizado a escrita e submissão de um artigo científico.


Referências Bibliográficas

Maron, L.C et al. ATIVIDADE GRUPAL OPERATIVA COM GESTANTES E FAMILIARES: Um Relato de Experiência. Revista Contexto & Saúde, v. 11, n. 20, p. 161-168, 18 jun. 2013. MENEZES, K. K. P; AVELINO, P. R. Grupos operativos na Atenção Primária à Saúde como prática de discussão e educação: uma revisão. Cad. saúde colet., Rio de Janeiro , v. 24, n. 1, p. 124-130, marzo 2016 . Disponível em <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-462X2016000100124&lng=es&nrm=iso>. Acesso em: 07 dez. 2020. http://dx.doi.org/10.1590/1414-462X201600010162. MIRANDA, R. M . Importância do grupo operativo na melhoria da assistência à gestante na estratégia de saúde da família. Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Medicina. Núcleo de Educação em Saúde Coletiva . Belo Horizonte, 2011. 38f.Monografia (Especialização em Atenção Básica em Saúde da Família) ROCHA, M.S.B.G. Grupos operativos:: importância na promoção e assistência à saúde em comunidade da estratégia saúde da família cidade industrial, em montes claros, minas gerais. Orientador: Dr. Fabio Scorsolini-Comin. 2016. 24 f. Trabalho de conclusão de curso (Curso de Especialização Estratégia Saúde da Família) - Especialista, Montes Claros, 2016. Disponível em: https://www.nescon.medicina.ufmg.br/biblioteca/imagem/MARIANGELA-SANTANA-BATISTA-GARCIA-ROCHA.pdf. Acesso em: 5 dez. 2020. UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO JEQUITINHONHA E MUCURI. Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE. Resolução nº 06- CONSEPE, de 17 de abril de 2009. Dispõe sobre os processos de regulamentação, normatização, avaliação e seleção de projetos e demais ações de extensão universitária no âmbito da UFVJM. Diamantina: CONSEPE, 2009. Disponível em: http://www.ufvjm.edu.br/proexc/proext/doc_view/2-politica-de-extensao-da-ufvm.html#:~:text=Objetivos%20da%20extensão%20na%20UFVJM,e%20do%20fortalecimento%20da%20cidadania. Acesso em: 07 dez. 2020.


Interação dialógica da comunidade acadêmica com a sociedade

A interação com as gestantes ocorrerá de forma digital, através de um grupo de WhatsApp, onde serão publicados conteúdos semanais sobre gestação, parto e puerpério.


Interdisciplinaridade e Interprofissionalidade

Os acadêmicos voluntários do projeto serão alunos de diferentes cursos da área da saúde, e desta forma abrangerá conteúdos interdisciplinares. Além disso, profissionais do munícipio vão também contribuir com os conteúdos.


Indissociabilidade Ensino – Pesquisa – Extensão

As ações serão realizadas de maneira abrangente, na área de ensino através dos conteúdos criados, na área de extensão através do apoio as gestantes no período da pandemia, a pesquisa com formulários on-line que irão possibilitar mencionar o grau de aprendizagem durante o período do projeto.


Impacto na Formação do Estudante: Caracterização da participação dos graduandos na ação para sua formação acadêmica

As ações dentro do projeto irão trazer muitos conhecimentos aos estudantes, já que os proporcionará participar de um grupo operativo, e possibilitará também através dos conteúdos aprendizagem em diversos temas na área gestacional-puerperal.


Impacto e Transformação Social

As ações serão voltadas a gestantes e a todos que se interessarem pelo tema, então desta forma trará impacto positivo no aprimoramento de conhecimentos que são tão importantes, porém muitas vezes pouco abordado.


Divulgação

A divulgação será realizada nas redes sociais do PET ESTRATÉGIAS.


Informações Complementares

.


Público-alvo

Descrição

Gestantes do município de couto de Magalhães de Minas que frequentam o grupo Gestantes do Estratégia de Saúde da Família.

Municípios Atendidos

Município

Couto de Magalhães de Minas - MG

Parcerias

Nenhuma parceria inserida.

Cronograma de Atividades

Carga Horária Total: 28 h

Carga Horária 4 h
Periodicidade Semanalmente
Período de realização
  • Noite;
Descrição da Atividade

Será realizado a capacitação dos voluntários através de uma apresentação, fazendo uma abordagem geral sobre gestação, parto e puerpério.

Carga Horária 2 h
Periodicidade Semanalmente
Período de realização
  • Manhã;
  • Tarde;
Descrição da Atividade

Será realizada a elaboração de um questionário pré- teste eletrônico a ser aplicado para as gestantes, com objetivo de mencionar o seu grau de conhecimentos sobre os assuntos que serão abordados.

Carga Horária 4 h
Periodicidade Semanalmente
Período de realização
  • Manhã;
  • Tarde;
Descrição da Atividade

Realização da aplicação do questionário, para medir o grau de conhecimento das gestantes antes do inicio das ações de capacitação

Carga Horária 6 h
Periodicidade Semanalmente
Período de realização
  • Manhã;
  • Tarde;
Descrição da Atividade

Produção de conteúdos para capacitação das gestantes

Carga Horária 3 h
Periodicidade Semanalmente
Período de realização
  • Manhã;
  • Tarde;
Descrição da Atividade

Será realizada a elaboração de um questionário pré- teste eletrônico a ser aplicado para às gestantes, com objetivo de mencionar o seu grau de conhecimentos sobre os assuntos que serão abordados.

Carga Horária 3 h
Periodicidade Semanalmente
Período de realização
  • Manhã;
  • Tarde;
Descrição da Atividade

Realização da aplicação do questionário, para medir o grau de conhecimento das gestantes após os conteúdos de capacitação do projeto.

Carga Horária 3 h
Periodicidade Semanalmente
Período de realização
  • Noite;
Descrição da Atividade

Elaboração do artigo científico

Carga Horária 3 h
Periodicidade Semanalmente
Período de realização
  • Noite;
Descrição da Atividade

Elaboração de relatório final para a PROEXC